Celebs

Musa do OnlyFans, Luiza Marcato chega ao top 1.8 e lembra relação abusiva: “pedi divórcio”

A modelo Luiza Marcato, 25 anos, atingiu nesta semana o top 1.8 do OnlyFans, a plataforma de conteúdos adultos que já conquistou muitas famosas pelo mundo. Ela passou a vender seus nudes há dois anos, quando ainda estava casada. Na época, Luiza futurava R$ 45 mil por mês, mas sofria retaliações do marido, que mantinha com ela uma relação abusiva. Cansada de cobranças e maus-tratos, a modelo decidiu se separar e investir na carreira como sexy model.

“Foi uma época muito difícil. Ele me batia, me perseguia, me diminuía e ameaçava sempre. E isso era muito frequente, começou bem antes de entrar no OnlyFans. Fui uma das primeiras no Brasil a entrar na plataforma”, lembra. “Meu ex já colocou a faca no meu pescoço dentro da minha casa. Foi então que pedi divórcio para vender e faturar com nudes. Sabia que poderia conquistar minha independência financeira e me livrar dele. Não aguentava mais sofrer”, desabafa.

Nesse período, Luiza procurou a polícia algumas vezes para denunciar as agressões. E hoje encara quatro processos contra o ex-marido na Justiça de Santa Catarina, onde morava com ele. As ações estão relacionadas à Lei Maria da Penha. “No início não sabia que era abuso, fui descobrindo com o tempo. Por várias vezes fui ameaçada para deixar meu trabalho na internet. Ele era muito ciumento. Eu pensava: se eu não sair mesmo do OnlyFans e viver do jeito que ele quer, posso morrer. Era terrível”.

Em nova fase, e longe de relacionamentos, Luiza Marcato agora comemora o sucesso na internet e garante que chegará ao top 1.0 do OnlyFans mundial. Para isso, ela aposta em vídeos com outras modelos que estão em alta no Brasil e produções temáticas. Recentemente ela se lançou na websérie ‘As Estagiárias’, que mescla sensualidade, humor e suspense.

“Mais do que me exibir na internet, eu brinco com os homens e mexo com os fetiches deles. Hoje, para fazer sucesso no OnlyFans não basta ter conteúdo explícito, precisa mostrar situações diferentes, pensar em temas do momento e criar vídeos com um enredo por trás. O desafio é viralizar e ser criativa todos os dias. Os homens estão cada vez mais exigentes e o mercado está saturado. Eu vivo 24 horas por dia pensando em inovar”, revela.

Fotos: Vida Torres / Edu Graboski / Divulgação

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais lidas

To Top